Notícias

Apavorada, jovem que teve rosto tatuado pelo ex teme que ele saia da prisão: ‘Medo’

Tayane Caldas, de 18 anos, está lentamente tentando reconstruir sua vida depois que foi sequestrada e torturada. Faz dois meses que seu rosto, virilha e peito foram tatuados com o nome do ex-namorado. Além disso, a vítima sofre com o medo de que Gabriel Coelho volte a bater nela após sair da prisão.

A jovem foi sequestrada na cidade de Taubaté, cidade do interior de São Paulo, enquanto saía para trabalhar. O crime aconteceu no dia 21 de maio deste ano. O acusado permanece na prisão, mas o julgamento ainda não foi realizado.

Toda a família da vítima sofre com o ocorrido e vive com medo de que o rapaz seja solto da prisão. A mãe de Tayane relatou que Gabriel estava zangado com ela porque foi ela quem incentivou o fim do relacionamento e que havia ido à delegacia para denunciar o desaparecimento da filha.

“Precisamos sair da casa em que estamos, quero um lugar mais seguro, pois não sabemos quanto tempo ele vai permanecer preso ou se vai continuar após a audiência”, disse.

Atualmente a jovem passa por uma terapia psicológica. Ela foi sequestrada, atacada e amarrada pelo ex-namorado no dia em que ele lhe tatuou forçadamente. Ela diz que toda vez que se olha no espelho, sente vontade de chorar ao se lembrar da violência sofrida.

A vítima faz sessões de remoção de tatuagem com o nome do ex no corpo, mas diz que as marcas que ele deixou em sua alma jamais serão apagadas. O trauma é tão grande que ela ainda não pode pegar o ônibus para o trabalho por medo.

A família se sente forçada e a irmã da vítima não pode sair de casa sozinha, temendo que algo semelhante possa acontecer com ela. “Nós estamos tentando nos reerguer psicologicamente”, começou ela.

“Todo mundo, de alguma forma, acabou sendo afetado aqui, sentimos medo pela Tayane e por nós mesmos”, desabafou a mãe da vítima.