Notícias

Pastor gravou canção momentos antes de sua morte; filha ficou desolada: ‘Não vai papai’

A morte precoce de um líder religioso gerou uma grande comoção, o caso aconteceu na cidade de Ceilândia, localizada no entorno do Distrito Federal no dia 5 de agosto.

O pastor e gerente comercial Gilvane Cassemiro Pereira, 52 anos, estava pilotando sua motocicleta quando um motorista bêbado passou pelo sinal vermelho, causando sua morte instantaneamente.

postimg 62f2a002aed266268
Imagem: Reprodução

O motorista vem da origem paquistanesa, ele é um empresário radicado no Brasil, várias garrafas de bebidas alcoólicas foram encontradas em seu carro e ele estava bêbado no momento do acidente.

Como despedida

Poucos dias antes de perder sua vida no acidente, o pastor Gilvane Cassemiro, cantou um louvor comovente na igreja onde trabalhava. A ocasião emocionante foi gravado em vídeo e segundo Maria da Luz Alves da Silva, 42 anos, esposa do homem, relatou que naquele dia parecia que o marido “estava se despedindo”.

Maria da Luz disse que o momento em que Gilvane cantou o louvor foi maravilhoso, o pastor cantou a música ‘Além do Rio Azul’. Ainda segundo Maria, o pastor adorava rezar e cantar, pai de sete filhos, dedicava-se a rezar e cantar.

O velório do pastor aconteceu no último sábado (6), e um dos momentos de maior comoção foi quando a filha de 8 anos pediu para cantar uma música que seu pai a ensinou: ‘Tá Chorando Por Quê?’

Quando a música foi entoada a emoção tomou conta de todos que estavam no local de sepultamento de Gilvane. O momento mais melancólico foi quando o caixão estava prestes a ser fechado.

“Minha filha de 8 anos pedia: ‘Não vai, papai, não vai, papai’. E, quando foi fechar o caixão, ela pediu para não fechar. Porque ela o amava demais. Ela o esperava chegar para dormir”, relembrou Maria da Luz, emocionada.