Notícias

Salário maternidade em 2022: o que me torna elegível para receber?

A chegada de um bebê, apesar de suas muitas alegrias, acaba por significar uma despesa extra, pois é necessário que os pais forneçam todo o dote de que o bebê precisa nos primeiros meses de vida.

Mas o que acontece quando os pais perdem seus empregos? Bem, o INSS tem um benefício chamado Salário Maternidade. O principal objetivo desse benefício do governo federal é dar assistência financeira às famílias que enfrentam a chegada de um bebê ou a adoção de uma criança.

Para ter direito aos benefícios, o solicitante deve atender aos requisitos estabelecidos pelo INSS. As pleiteantes do benefício maternidade devem ser seguradas pelo INSS, de modo que estão incluídos no regime pessoas assalariadas, trabalhadoras independentes, empregadas domésticas, seguradoras especiais, trabalhadoras rurais e contribuintes individuais e facultativos.

As mães desempregadas são elegíveis?

Estou desempregada, tenho direito ao benefício? Bom, se você está desempregada, para receber os benefícios, você deve estar dentro do período de carência e ter atingido o prazo mínimo de carência para receber o salário. Portanto, para receber o contracheque, você precisará comprovar que tem cobertura do INSS e que fez pelo menos 10 meses de contribuições para a Previdência Social.

Para solicitar os benefícios, você precisa acessar o site da Previdência Social e seguir o passo a passo na tela. Então espere para avaliar a documentação e determinar se você está recebendo o benefício.

Benefícios do Salário maternidade

Com os benefícios pagos pela Previdência Social, você poderá tirar alguns meses de folga para cuidar de seus filhos. Esse valor é pago a todas as mulheres que saem de suas atividades, saiba quando isso pode acontecer:

Receberá o valor, quem está vivendo o nascimento do filho;

No caso de mulheres com aborto criminoso;

Mães que estão adotando;

Mães que estão sobe guarda judicial, para que ocorra a adoção da criança.