TV & Famosos

Tatá Werneck chora falando de Jô Soares e faz pedido importante após ocorrido: ‘Comédia tem me deixado mais triste que feliz’

Na noite de domingo (7), a comediante Tatá Werneck participou do programa ‘Fantástico’ da TV Globo e não segurou as lágrimas ao falar sobre Jô Soares, que morreu na última sexta-feira (5). Ela, que também era muito próxima de Paulo Gustavo, disse que o humor a deixou ‘mais triste do que feliz’, com todas essas perdas que a família humorística do país.

Imagem: Reprodução/TV Globo

“A comédia hoje em dia tem me deixado mais triste que feliz”, lamentou. “Tem me emocionado mais do que feito rir. Inevitável pensar no Jô e não lembrar do Paulo [Gustavo], de grandes comediantes que estão partindo”, disse a atriz e apresentadora com a voz embargada.

Após isto, Tatá fez um pedido à nova geração de comediantes e artistas que vem se preparando: “A melhor coisa que você pode fazer para um comediante é rir dele. Pesquisar o Jô. Essa geração que está vindo, pesquisem o Jô. Eternizem o Jô”, pediu ela.

No bate-papo, ao lado de nomes como Fábio Porchat, Eduardo Sterblitch e Welder Rodrigues, a humorista ainda recordou a influência do apresentador Jô Soares em sua carreira: “Eu queria ser comediante, eu meio que descobri o que queria fazer assistindo o Jô“, contou ela.

Despedida de Jô Soares

O apresentador, ator, escritor, diretor e humorista faleceu aos 84 anos na última sexta-feira (5). O anúncio foi feito por Flávia Pedra, ex-mulher de Jô, e confirmado pela assessoria de imprensa do hospital onde ele estava internado. A causa da morte não será revelada segundo portais de notícias.